Kit essencial de ferramentas para levar no seu VW.

Quando pensamos em ferramentas muitas vezes vêm à nossa cabeça kits complexos, cheio de itens e principalmente caros! Neste texto iremos abordar um mínimo de ferramentas (e algumas peças de reposição) para levar no porta malas e que podem te livrar de um grande sufoco.

Precisaremos primeiro de uma mala ou bolsa para acondicionar tudo e que permita que as ferramentas/itens tenham fácil e rápida localização. Caixas ou maletas rígidas normalmente evitam que as coisas se revirem uma sobre as outras, tonando mais ágil a manutenção que precisa fazer (o que pode acontecer na estrada, a noite etc).

Além dos itens que já são obrigatórios, como macaco, chave de rodas e triângulo (sempre confiram a posse destes itens obrigatórios por lei!) ainda podemos levar algumas coisas que podem nos safar de problemas que ocorrem no dia a dia, numa viagem ou mesmo diagnosticar defeitos e possibilitar sua correção.
Vamos aos itens:

FERRAMENTAS
1) Chaves fenda e phillips

2) Kit de chaves Allen
Originalmente os veículos VW não usam estes parafusos mas podem ter sido colocados por alguém no decorrer dos anos e empacar sua manutenção caso não possua a chave adequada).

3) Chave de vela
Em alguns casos a remoção da vela é importante para diagnóstico e substituição.

4) Chaves combinadas tamanhos 8 / 10 / 11 / 13 / 15 / 17
Com estes tamanhos você terá basicamente todas as medidas necessárias para apertar/afrouxar quaisquer parafusos do carro.

5) Martelo pequeno
Em algumas situações é necessária a utilização de um martelo para ajustes, encaixes mais difíceis. Vale ressaltar que é apenas para dar algumas leves pancadas, ninguém vai entortar nada nem derrubar muro, ok?

6) Alicate médio
Um alicate pode auxiliar em algumas medidas diferentes de chaves, segurar peças que sejam difícil com as mãos ou que esteja muito quente para manuseio. Utilizado também para cortar fios ou arames, etc.

7) Tesoura, canivete, faca
Ferramentas cortantes podem ser imprescindíveis, sempre leve uma em seu kit. Procure modelos robustos.

8) Luvas de malha
Ajudam a não se sujar excessivamente e também protegem as mãos de pequenos ferimentos e arranhões.

9) Fita isolante
Esta pode ser útil mas mais infinitas possibilidades. Evitem as de baixa qualidade, rompem fácil e não grudam direto.

10) Pedaço de lixa fina ou lixa de unha
Seja na limpeza de oxidação do platinado (se seu carro ainda utiliza) ou de quaisquer outros contatos, como lâmpadas, fusíveis etc.

11) WD ou desengripante
Para desemperrar parafusos ou peças ou auxiliar na partida.

12) Abraçadeira de nylon ou enforca gato (como são popularmente conhecidas) e arame.
Tal como a fita isolante, pode servir para muita adaptação técnica (como chamamos gambiarra por aqui) de forma temporária até ter acesso à devida manutenção.

13) Cálibre de lâminas
Serve tanto para regulagem da folga do platinado quanto para regulagem de válvulas.

14) Ponto de luz 12v (ou lanterna)
Indispensável para locais de iluminação escassa ou a noite.

Hoje há opções LED de alto desempenho

PEÇAS DE REPOSIÇÃO:

Importante: Todo os itens citados abaixo devem ter seus modelos conferidos com os utilizados no seu veículo, ok?!

Vamos começar pelos itens do sistema de ignição e distribuição:

1) Bobina de ignição
– É muito comum que bobinas apresentem problemas de super aquecimento em percursos longos. Se sua bobina sofre deste problema com frequência é preciso uma análise mais detalhada. Procure um bom mecânico.

2) Platinado e condensador (se seu carro ainda utiliza)
– Outras peças que costumam apresentar defeito, normalmente pelo desgaste natural de uso, mas por ficarem esquecidas por um bom tempo podem apresentar defeito em momentos ou locais inesperados

3) Rotor e tampa do distribuidor
– Incomum de apresentar defeitos, mas são peças que não permitem adaptações ou reparos, vale a pena ter uma por perto.

4) Fusíveis (atenção nos modelos do seu veículo)

5) Jogo de velas (há variação dos modelos de acordo com os cabeçotes que seu veículo usa. Na dúvida, retire uma e use de amostra)

6) Fluido de freio e óleo de motor
– Normalmente os motores VW arrefecidos a ar utilizam óleo mineral 20W50. Óleo baixando é motivo para atenção, porém trabalhar com o motor com pouco óleo é bastante prejudicial. Numa situação emergencial é preferível completar o nível.
– Fluido de freio baixando também é grave e deve ser analisado com urgência porém, melhor ter um pouco para não ficar sem freio, ok?

7) Correia do alternador
– Esta é importantíssima! Seu rompimento afeta diretamente o sistema de arrefecimento do motor. Acendeu a luz da bateria, pare imediatamente e verifique se a correia está ok! Rodar sem ela fatalmente irá fundir seu motor. Normalmente fuscas usam AVX10.5X913. Algumas correias tem as medidas escritas nelas, o que facilita a identificação do modelo.

Bom, apesar de não ser uma lista pequena de itens eles podem trazer bastante segurança ao condutor em longos trajetos ou situações de emergência sem a necessidade de um guincho.

Esta matéria se destina principalmente à usuários de nível intermediário em mecânica, mas pode ajudar muito os iniciantes pela disponibilidade de ferramentas e peças mesmo que a manutenção seja realizada por outra pessoa.

Procure sempre aprender noções de manutenção do seu veículo para não depender exclusivamente de terceiros, além de uma terapia é bom para o bolso também!

Grande abraço e até breve!

Roberto Laudari
Últimos posts por Roberto Laudari (exibir todos)

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.